Katayama - Ovos e o colesterol

Ovos e o colesterol

10/02/2020

O ovo vem sendo objeto de uma reabilitação poucas vezes vista na história da Medicina. Até mesmo os cardiologistas mais radicais, aqueles que demonizaram os ovos como os maiores vilões da saúde do coração, começam a rever suas posições. A virada se deve a uma série de estudos científicos, muitos deles com dezenas de milhares de participantes, que mostram de maneira muito contundente que a sua condenação foi uma espécie de julgamento sumário. Se fosse uma questão criminal, seria um caso clássico de erro jurídico. Analisadas as evidências, veio a público um novo veredicto: o ovo está absolvido.

A quantidade de colesterol do ovo, que é o HDL (colesterol bom) não tem impacto direto sobre o colesterol do sangue. Isso significa que o consumo de ovos, ao contrário do que muitos ainda acreditam, não aumenta estas taxas. Vários estudos científicos têm sido realizados nas últimas décadas provando que o consumo de ovos não faz mal à saúde. O problema é a sua combinação com acompanhamentos gordurosos, entre eles queijo amarelo e bacon.

Acompanhe nosso instagram @katayamaalimentos